A economia brasileira é a maior da América Latina e do hemisfério Sul, a sétima maior do mundo por PIB nominal e a sétima maior por paridade do poder de compra (PPC). O Brasil é uma das principais economias com mais rápido crescimento econômico no mundo e as reformas econômicas deram ao país novo reconhecimento internacional, seja em âmbito regional como global.

O país é membro fundador da Organização das Nações Unidas (ONU), G20, Comunidade dos Países de Língua Portuguesa(CPLP), União Latina, Organização dos Estados Americanos (OEA), Organização dos Estados ibero-americanos (OEI), Mercado Comum do Sul (Mercosul) e da União de Nações Sul-americanas (Unasul), além de ser um dos países BRIC.

Mão de obra mais requerida no Brasil em 2020

Nestes momentos, o Brasil vive um boom econômico evidente e, como consequência, as possibilidades de trabalho foram ampliadas em diversas disciplinas. Segundo declarou publicamente o governo brasileiro, o país busca nestes momentos flexibilizar suas leis de imigração para atrair até 10 vezes mais profissionais estrangeiros e estimular o seu crescimento econômico.

O declínio contínuo da pobreza, a participação das empresas estrangeiras e a rápida industrialização, fez com que o Brasil se transforme junto com China, Índia, Rússia e México como destino para investimentos a nível planetário.

Salários

Como em todos os países, os salários dependem do setor em que deseja trabalhar, bem como o emprego e a empresa que o desenvolva. O salário mínimo no Brasil é de cerca de R$ 678 por mês (agenciabrasil). Isso é muito relativo e recomendamos consultar outras fontes, já que não há um estudo específico dos salários, como na Europa.

Quais são as profissões mais requisitadas no Brasil

O jornal Estado de São Paulo publicou uma simpática infografia, Ou Mapa das Melhores Oportunidades de Emprego, em que se apresentam as áreas profissionais em que há falta de trabalhadores e, por conseguinte, ofertas de emprego no Brasil.

  • Empregos públicos, que estão reservados para brasileiros via concursos públicos
  • Trabalho para o Mundial e os Jogos Olímpicos, que inclui os subgrupos Turismo, Recursos Humanos, Comércio e Serviços e da Construção naval,
  • Engenharia,
  • Contabilidade,
  • Administração,
  • Construção e Infra-estrutura e
  • Tecnologias de Informação.

O Brasil está contratando profissionais qualificados de outras nações, e esta tendência deve continuar, no caso de que o País mantenha o ritmo de crescimento econômico.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *