Matérias mais cobradas na prova da OAB

Se você quer saber como passar na prova da OAB, precisa focar sua preparação nas matérias mais cobradas no Exame de Ordem e nós podemos te ajudar. No texto de hoje, vamos te dar um panorama dos conteúdos que caem nas 80 questões da primeira fase. Porém, é bom lembrar que o exame está dificultando a cobrança a cada edição, por isso, é importante contar com um curso OAB para alcançar a aprovação já na primeira tentativa. Assim, você estará pronto para iniciar a sua carreira de sucesso na área.

Mas então, vamos começar! Você sabia que 70% das reprovações da OAB são em razão de três matérias? São elas: Estatuto e Ética, Direito Processual e Direito Constitucional. Então, não cometa esse erro, foque seus estudos nessas disciplinas.

 

Disciplinas na prova da OAB

Antes de falar como passar na prova da OAB, você precisa saber que na primeira fase, o exame cobra questões de sete disciplinas. São elas: Direitos Humanos; Código do Consumidor; Estatuto da Criança e do Adolescente; Direito Ambiental; Direito Internacional; Filosofia do Direito; Estatuto da Advocacia e da OAB; Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB .

Dessa forma, precisamos destacar o já mencionado Direito Constitucional, que costuma aparecer em sete questões da prova. Pensando que você precisa acertar no mínimo 40 perguntas para ser considerado aprovado, gabaritar essa área já te deixa bem mais perto do seu objetivo. E os assuntos mais cobrados nesta disciplina são: Organização dos Poderes; Tutela Constitucional das Liberdades; e Dos Direitos e Garantias Fundamentais.

Além disso, outra matéria que também tende a aparecer em sete perguntas da OAB é o Direito Civil. E os seus três principais assuntos são: Direito Reais; Sucessão Testamentária; e Disposições de última vontade e contratos em espécie. Já o Direito Administrativo costuma aparecer em outras seis questões, os temas mais cobrados são: Serviços Públicos; Controle de Administração Pública; e Intervenção Estatal na Propriedade. Assim como, o Direito Penal e os seguintes assuntos: Crimes em Espécie; Teoria Geral do Delito; e Legislação Penal Extravagante.

 

Como estudar para a prova da OAB

Como já deu pra perceber, o conteúdo que precisa ser estudado é bem extenso, por isso, é indispensável contar com um preparatório OAB. Afinal, não basta apenas o conhecimento adquirido na graduação, é preciso fazer um estudo focado em como esse conhecimento é cobrado no Exame de Ordem. Então, vale a pena investir agora em um curso online OAB e garantir a aprovação já na primeira tentativa.

Além do cursinho OAB, você também precisa testar seus conhecimentos respondendo questões que já foram aplicadas anteriormente em outros exames. Assim, você tem uma prévia do que estará te esperando no dia da prova. Além disso, essa prática também serve como um termômetro para conferir como está o seu aprendizado no curso OAB. Por exemplo, se você está errando muitas questões de Organização dos Poderes em Direito Constitucional, já sabe que precisa revisar esse tema.

Mas é importante que você tenha uma rotina de estudos. Então, responda às questões diariamente. Na hora de praticar é importante que você não apenas consiga dizer qual é a resposta correta, como também consiga apontar os motivos das demais estarem erradas. Dessa forma, você evita errar uma pergunta por falta de atenção e pode frisar melhor o conteúdo na sua mente.

Também é interessante simular o dia da prova. Então, pesquise pela última prova da primeira fase do Exame de Ordem, faça o download e imprima. Depois disso, escolha um canto silencioso da casa e responda todas as questões. É importante deixar ao seu lado apenas uma garrafinha de água e um chocolate, e também, fazer poucas pausas. Também deixe o celular um pouco mais afastado cronometrando o seu tempo de resolução. Quando chegar ao fim, compare suas respostas com o gabarito oficial e veja quantas questões acertou. Anote seus resultados e repita essa prática depois de mais um mês de preparação no curso OAB.

Para ser aprovado é importante estudar de forma responsável, afinal, todo o conhecimento adquirido no preparatório OAB também servirá para o seu dia a dia de trabalho como advogado ou advogada. Então, pense que serão 80 consultas de novos clientes e não 80 questões de prova.

Quanto custa para colocar uma porta de alumínio?

A porta de alumínio é um dos principais acabamentos de imóveis, sendo uma alternativa eficaz à madeira. Quem pretende investir nessa opção normalmente tem uma dúvida: quanto custa para colocar a porta de alumínio?

Aqui, damos uma estimativa de preço. Confira e veja outras informações importantes sobre a porta de alumínio!

Por que instalar porta de alumínio?

A porta de alumínio oferece vantagens em relação aos demais modelos, compensando o investimento nessa alternativa. A seguir, indicamos o que é possível obter ao instalar a versão de alumínio:

Resistência e durabilidade

A porta de alumínio dura muito mais do que outros tipos disponíveis no mercado, como a de madeira. Isto é possível porque o alumínio é resistente a danos, sobretudo à corrosão e demais provocados pelos raios solares e chuva.

Por isso, não fica enferrujado com o passar do tempo, muito menos desbotado ou deformado, muda maior vida útil. Logo, é a opção perfeita para quem busca uma porta durável, que não seja danificada com facilidade.

Baixo custo

O alumínio possui preço mais acessível em comparação a outros metais utilizados em acabamentos de obra. Além disso, não gera desperdício na instalação, o que permite economizar.

Sustentabilidade

Construções de imóveis estão cada vez mais preocupadas com o meio ambiente e o uso do alumínio sem acabamento tem a ver com isso, já possibilita maior conforto térmico e redução do gasto de energia elétrica com equipamentos de climatização.

Outra vantagem é que pode ser reutilizado por ter longa vida útil. Também há a possibilidade de ser reciclado, sem ser descartado e permanecer no meio ambiente por um período especificado.

Quanto custa a instalação de uma porta de alumínio?

Convencido das vantagens da porta de alumínio e deseja instalar uma em seu imóvel, mas quer saber quanto custa esse procedimento? Curiosamente, o preço pode variar de acordo com diferentes fatores, como a região do país e mão de obra.

Além disso, é preciso considerar outros detalhes, como preço da porta e se o modelo já vem com acessórios para instalação. Se precisar comprá-los a parte, o valor pode ser sutilmente maior.

Embora não seja possível estabelecer um valor exato, dá para fazer uma estimativa de preço. É possível comprar porta de alumínio a partir de R $ 500, considerando um modelo básico. Se for personalizado ou mais trabalhado, pode ser mais caro.

Outros gastos que podem ocorrer são com batentes e dobradiças, guarnições (colocadas ao redor da porta para esconder o rejunte), perfil de alumínio estrutural , fechadura e chaves, sempre considerando opções de alta qualidade, para garantir o melhor resultado ao acabamento.

Esses valores valores extras e mão de obra, o gasto total para instalação da porta de alumínio pode subir para R $ 1.000,00. Vale lembrar que esse montante é uma estimativa. Resultado de seu projeto, o valor pode ser maior ou menor.

Porta de Alumínio Curitiba

Buscando acessórios para instalação de porta de alumínio Curitiba ? A Vidromax tem perfil de alumínio de diferentes modelos para atender as especificidades de seu projeto. Conheça todos e aproveite para comprar itens de qualidade para instalação da porta!

Como montar um kit churrasco

O kit churrasco é essencial para simplificar seu trabalho na churrasqueira , garantindo-lhe itens fundamentais para preparar e servir carnes correta e de maneira mais ágil.

Interessado em montar um kit churrasqueiro , mas não sabe por onde começar? Sem problemas! Preparamos esse guia completo que lhe auxiliará um jogo de churrasco completo. Confira!

O que tem num kit churrasco?

Saber o que vem no kit de churrasco completo é importante para comprar todas as peças necessárias para facilitar seu trabalho de churrasqueiro. Veja, a seguir, quais são esses itens:

Jogo de facas

O jogo de facas é o mais importante do kit, porque oferece ferramentas perfeitas para o preparo e corte de carnes. O jogo é composto por diferentes tipos de facas, como as que são listadas a seguir:

  • Faca do chef: modelo tradicional, porém maior, instalado entre 9 a 10 polegadas. É a faca mais versátil do kit, tanto que pode ser usada para corte de peças em tamanhos variados, assadas ou cruas;
  • Desossa: alternativa que tem como foco removedor ossos de peças grandes ou então cortar a carne em cubos antes ou após o preparo;
  • Trinchante: versão que é voltada ao corte de carne com muita fibra e dura. Costuma ser usado mais com peixes, por ser um tipo de carne fibrosa, mas também é perfeito para corte de carnes suínas e bovinas;
  • Cutelo: trata-se de um tipo de faca destinada a cortar / quebrar ossos sem perder o fio rapidamente. Pode ser usado, ainda, para cortar carnes muito duras, que define de uma faca mais afiada e robusta para realizar o trabalho;
  • Faca de serra: é usada para cortar superfícies duras e crocantes, como a pururuca do leitão. É a melhor pedida, também, para cortar acompanhamentos como o pão de alho.

Acessórios para churrasco

Uma lista de acessórios para churrasco traz dois itens principais. Um deles é o pegador de churrasco, que facilita o manuseio da carne, sobretudo enquanto é preparada, sem risco de queimar durante o cozimento.

Há, ainda, o garfo trinchante, que tem como facilitar o manuseio e preparação da carne. É muito utilizado para segurar carnes e estabilizá-las durante o corte, evitando tocá-las com a mãos, o que pode gerar queimaduras.

Taboa de churrasco

Outro item importante é uma taboa de churrasco , que oferece o melhor suporte para corte de carnes cruas e prontas. A mais tradicional é à madeira, mas há alternativas igualmente eficazes como as fabricadas com vidro.

Como escolher os itens do seu kit churrasco

Existem dicas importantes a serem seguidas para comprar jogos de facas e artigos para churrasco . Uma delas é não abrir mão de materiais de qualidade, sempre preferindo o aço inoxidável quando se tratar de metais, por que não enferrujam facilmente.

Quando uma peça tiver madeira, escolha uma tratada, para minimizar o risco de contaminações na falta de uma higiene adequada. Além disso, a versão tratada é mais resistente a danos e possui maior durabilidade, sendo o melhor investimento para seu kit churrasco .

Como manter sua casa segura em Blumenau?

Sentir-se seguro em casa faz toda a diferença, passando a ter maior tranquilidade no dia a dia, seja enquanto está em seu lar ou durante a entrada e saída do imóvel.

Curiosamente, existem dicas que podem ser aplicadas para reforçar a segurança de sua casa e garantir proteção máxima. Aqui, indicamos como manter seu lar seguro em Blumenau. Confira!

Verifique e reforce entradas

Entradas precisam ser reforçadas para dificultar possíveis invasões. Por isso, portas portões, portas e janelas. Se notar que precisam de reparos, providencie-os ou faça trocas por versões mais robustas.

Também é interessante investir em portões automáticos, porque evitam sair do automóvel para abrir ou fechar o portão, bem como em fechadura eletrônica e graus de proteção na janela.

Automatize a iluminação

Ter um ambiente iluminado é importante porque possibilita identificar rapidamente qualquer atividade suspeita e chamar como autoridades. Por isso, procure automatizar a iluminação de seu lar, principalmente na parte externa e em pontos obrigatórios.

Quando identificar movimentações, a luz se acenderá automaticamente, o que ajudará a assustar e inibir criminosos. Logo, é uma boa alternativa para reduzir o risco de invasões ou de assaltos.

Tenha um sistema de segurança

O sistema de segurança é composto por câmeras de monitoramento (prefira como possibilitam acompanhamento a distância), alarmes, entre outras tecnologias.

Tal sistema é interessante porque desestimula a ação criminosa, por dificultar a invasão ou facilitar a identificação da pessoa, o que pode agilizar investigações da polícia caso algo concreto ocorra.

O único ponto negativo desse tipo de sistema é que é preciso ter um valor maior para fazer esse investimento e manutenção, porém é algo que compensa, já que reforça a segurança do imóvel.

Monte cercas

Cercas são excelentes investimentos de segurança perimetral, sendo uma barreira física robusta para evitar invasões. Podem ser instaladas diretamente no chão ou em portões e muros, para aumentar a altura dessas estruturas.

Existem diversos tipos de telas para cercas em Blumenau , com destaque para uma tela alambrado, que possui preço acessível e bom desempenho, protegendo eficazmente sua casa.

Outra opção é o gradil em Blumenau , que é uma classe de proteção com estética diferenciada, sendo uma boa alternativa ao alambrado, principalmente quando se pensa na decoração externa do imóvel.

Ambos os tipos de tela para proteção destacam-se por apresentar longa durabilidade, por serem fabricados com aço galvanizado ou terem revestimento de material sintético, e preço acessível, ajudando a dar maior segurança ao imóvel e moradores sem gastar muito.

Cercas em Blumenau podem ser complementadas com outros materiais de segurança, como concertinas (materiais perfurantes) e cercas elétricas, maximizando a proteção da casa.

Em qual medida de segurança investir?

Diante de tantas alternativas para aumentar a segurança de seu lar, é comum ficar em dúvida de qual é o melhor investimento. Curiosamente, recomenda-se adotar mais de uma, para potencializar a proteção.

Portanto, considere verificar e impor modificações, instalar sistema de segurança, automatizar a iluminação e instalar cercas tudo de uma vez. Se o orçamento não permite, é interessante adotar medidas para promover, como o cercamento.

Faça orçamento em uma fábrica de telas em Blumenau e aproveite para montar cercas em sua casa!

Qual a diferença entre protetor solar filtro 30 e 50?

O filtro solar protetor 30 e 50 estão entre as principais alternativas disponibilizadas no mercado. No entanto, nem todo mundo sabe exatamente qual a diferença entre ambos.

A seguir, esclarecemos essa dúvida! Continue a leitura e entenda mais sobre o tema para cuidar de sua pele corretamente!

O que é FPS?

Antes de conhecer a diferença entre o protetor solar facial filtro 30 e 50 é importante entender o que é FPS, sigla que sempre é mencionada em todos os produtos com proteção contra raios UVA e UVB.

O FPS é o Fator de Proteção Solar, que é utilizado para indicar ao consumidor quanto ao tempo de produto protegido em pele. Dá para saber o tempo exato por meio de um cálculo simples, é só multiplicar o FPS do produto por 10 e dividir o resultado por 60.

Diferença entre protetor filtro solar 30 e 50

As numerações 30 e 50 são o FPS de cada protetor solar. Portanto, a diferença entre ambos os produtos é o seu tempo de proteção da pele. Aplicando o cálculo já citado, um FPS 30 protegido a pele por 300 minutos, ou seja, 5 horas. Já o FPS 50 atua por 500 minutos, portanto, cerca de 8 horas.

FPS 30 ou 50: qual escolher?

A SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) indica que quanto maior o FPS, melhor. A razão disso é simples: tem-se um maior tempo de proteção da pele, minimizando o risco de danos e o desenvolvimento do câncer.

Por isso, o melhor protetor solar para o rosto é o FPS 50. Caso não o encontre em farmácias ou lojas de cosméticos, recomenda-se a compra de um protetor solar com FPS 30, no mínimo, nunca abaixo disso, principalmente se for se expor ao sol.

O FPS dura o tempo prometido?

O FPS realmente dura o tempo indicado se o protetor solar para o rosto correto. Não adianta passar uma camada fina do produto, porque é preciso formar um filme uniforme na face para proteção total.

Além disso, existem alguns fatores que podem reduzir seu período de ação, como o suor e contato com a água. É por isso que os dermatologistas recomendam a reaplicação do produto sempre que se expor ao sol e estiver em contato com a água.

Como aplicar o protetor solar?

A indicação geral de dermatologistas é aplicar uma colher de chá de protetor solar para o rosto, pescoço e cabeça. Como passar essa quantidade pode ser um pouco desagradável, deixando uma pele com sensação de muito produto, recomenda-se aplicá-lo em camadas, com pausas de poucos minutos para absorção do protetor.

Se quiser reforçar ainda mais a proteção da pele, invista em um protetor solar com base . O pigmento do produto ajuda a reforçar uma barreira de proteção da pele, relacionada a uma possibilidade de surgimento de manchas. Por isso, é a melhor alternativa para quem tem melasma.

E não se esqueça de reaplicar o protetor solar a cada duas horas, principalmente se for expor ao sol, suar ou entrar em contato com a água. Como a reaplicação precisa ser constante, considerar comprar kit protetor solar , que é mais econômico.

O que é um Guarda-móveis?

Vivemos numa era em que buscamos praticidade, conforto e organização no dia-a-dia. A rotina cansativa e desgastada nos faz pensar em meios de otimização de tempo para descansar e curtir a família. Hoje há no mercado, serviços que buscam ajudam a melhorar o espaço de sua casa. Destaca-se o serviço de guarda-móveis. 

O guarda-móveis faz parte do self storage, que é o serviço de armazenamento com locação de contêiner. Para contratar basta alugar um contêiner na empresa de self storage com o tamanho desejado e pelo tempo que precisar. Presente no país todo, a Guarde Mais é a empresa que mais oferece vantagens e melhor custo benefício. Pode ser encontrada nenhum storage em Campinas, self storage SP, self storage Rio de Janeiro, self storage Jardim Ana Lúcia , entre outras regiões. 

Veja a seguir algumas vantagens de contratar o Guarda-móveis da Guarde Mais:

1- Mudança de residência

Ao mudar de uma casa para outra, o ideal é desmontar os móveis com calma para que não estraguem. Para isso, o guarda-móveis pode ser usado para armazenar provisoriamente seus móveis. Alugue pelo tempo necessário (mínimo de um mês), sem preocupações. 

2- Viagem a longo prazo 

Caso planeje uma viagem longa e não queira ter o gasto com um imóvel que não esteja usando, seus móveis podem ser armazenados com o aluguel de caixa. O custo é bem menor e todos os itens são guardados com total segurança. 

3- Móveis que não cabem em casa

Sabe aquela propriedade de família que tem um enorme valor afetivo e não temos onde guardar com o cuidado que merece? O self storage tem a solução. Nele podem ser armazenados móveis, documentos, eletrodomésticos, roupas e até mesmo automóveis. 

4- Pouco espaço em casa 

Para otimizar o espaço em sua casa e obter a melhor qualidade de vida, a Guarde Mais oferece o melhor box que atenda sua necessidade. 

Existem móveis e objetos que não podem ser vendidos, trocados ou simplesmente descartados. Herança de família, ou até mesmo itens que gostamos de guardar para usar futuramente, como objetos de bebê para quem planeja ter outro filho. Antes de decidir o que fazer com um item, é importante pensar a longo prazo e guardá-lo. 

Se o problema for a falta de espaço em casa, ao alugar um box na Guarde Mais com o serviço de guarda-móveis, pode-se retirar mais um espaço vago e decorar conforme seu gosto ou utilizar o melhor possível. 

Na Guarde Mais é muito simples e rápido alugar a caixa para armazenar móveis e outros itens. O aluguel é mensal e pode ser renovado pelo tempo que desejar. Diferente de um contrato de aluguel de imóvel, a empresa não exige fiador e é sem burocracia. Além disso, o cliente tem acesso ao seu box o momento que desejar. Contratar o self storage é investir em qualidade de vida. Esperamos o seu contato. 

 

 

Existe diferença entre Licenciatura e Graduação em Pedagogia?

Antes de ingressar na faculdade de Pedagogia a distancia, muitos se perguntam se existe diferença entre Licenciatura e Graduação em Pedagogia. A resposta é não! A Licenciatura em Pedagogia é um curso superior de graduação que tem como objetivo formar professores que venham a atuar na Educação Infantil, nos anos iniciais do Ensino Fundamental, que vão mais precisamente até o 5º ano, e no Ensino Médio. Claro, a formação do licenciado não permitirá que ele apenas atue dentro de sala de aula, mas esse costuma ser o principal foco de quem escolhe essa modalidade.

A confusão sobre a dúvida de uma possível existência de diferença entre Licenciatura e Graduação se dá, pois há uma outra modalidade que, essa sim, difere da Licenciatura, no caso estamos falando do Bacharelado. E a principal diferença é o fato de que um bacharel em Pedagogia não é habilitado para dar aulas, mas pode assumir outros cargos como supervisor, psicopedagogo, orientador pedagógico e até mesmo direto. E caso após formado ele tenha esse interesse, essa vontade, será necessário então fazer um curso de complementação pedagógica.

Outra diferença importante dos cursos de Pedagogia a distancia nas modalidades Licenciatura e Bacharelado está na grade curricular. Sendo que na primeira há enfoque maior em disciplinas que preparam o aluno para lecionar, através de disciplinas específicas para esse propósito.

Grade Curricular

Já que a Licenciatura é disparadamente a modalidade mais buscada por aqueles que querem ingressar no mundo da Pedagogia (quando se trata de ensino a distância fica atrás em número de matrículas apenas dos cursos de Direito e Administração), vamos dar destaque a ela ao falarmos sobre a grade curricular.

Ao longo dos pelo menos quatro anos de duração que tem uma Licenciatura em Pedagogia EAD, você terá contato com as seguintes disciplinas durante os oito semestres que o compõem:

1º Semestre – História da Educação; Prática Textual em Língua Portuguesa; Formação Docente para a Diversidade; Filosofia da Educação; Libras – Língua Brasileira de Sinais; e Sociologia da Educação.

2º Semestre – Psicologia da Educação; Educação Ambiental e Cidadania; Antropologia da Educação; Didática; e Políticas Educacionais e Organização da Educação Básica.

3º Semestre – Direitos Humanos e Relações Étnico-Raciais; Psicologia do Desenvolvimento; Educação e Ludicidade; Organização Didática da Educação Básica; Currículo e Planejamento da Educação Básica; e Psicomotricidade no Contexto Escolar.

4º Semestre – Fundamentos da Ação Pedagógica; Alfabetização e Letramento: Conceitos e Processos; Fundamentos da Educação Especial e Inclusiva; Metodologia do Ensino de Natureza e Sociedade na Educação; e Alfabetização e Letramento: Desenvolvimento e Apropriação.

5º Semestre – Metodologia do Ensino de Ciências e Saúde Infantil; Transversalidade na Educação; Metodologia do Ensino de Língua Portuguesa; e Novas Linguagens e Tecnologias Educacionais.

6º Semestre – Metodologia do Ensino de Arte; Metodologia do Ensino de História e Geografia; Metodologia do Ensino de Matemática – Anos Iniciais do Ensino Fundamental; e Avaliação de Aprendizagem.

7º Semestre – Educação de Jovens e Adultos; Pedagogia em Espaços Não-Escolares; Gestão Educacional; e Direitos Educacionais de Crianças e Adolescentes.

8º Semestre – Orientação e Supervisão Educacional; Métodos e Técnicas de Pesquisa; Empreendedorismo na Educação; e Tópicos Especiais.

Mas não apenas de conquistar boas notas nas provas e ser aprovado em cada uma das disciplinas acima citadas vive o aluno da faculdade de Pedagogia. É necessário também realizar atividades complementares, formativas e integradoras, passar pelo estágio supervisionado obrigatório, e claro, produzir um TCC – Trabalho de Conclusão de Curso.

Onde fazer a Licenciatura em Pedagogia?

Matricular-se em uma graduação online que possua uma excelente qualidade de ensino, ofereça material didático que te permita estudar com ou sem acesso à internet, através de livros impressos, videoaulas em DVD e também em suas versões online, e ainda, que seja credenciada em EAD com nota máxima pelo Ministério da Educação é fundamental.

Assim você terá a certeza de ficar muito bem preparado para o que o mercado de trabalho venha a exigir, e terá um diploma muito bem visto pelos empregadores, seja para atuar de fato como professor, ou ainda, se quiser algo fora das salas de aula, como pedagogo empresarial, pedagogo hospitalar, e até mesmo em indústrias de brinquedos e editoras, contribuindo na produção de itens pedagógicos.

Parabéns por escolher o curso de Pedagogia! Temos certeza que você será muito realizado nessa tão bela e importante profissão.

Como Senai MG cursos 2021 podem contribuir para a sua carreira

Se manter atualizado profissionalmente é necessário para conseguir ter sucesso no mercado de trabalho. Existem várias possibilidades de estudo, que podem se adaptar às realidades de cada um. Os mineiros podem aproveitar o Senai MG cursos 2021 para transformar os sonhos de uma capacitação profissional em realidade: todas as possibilidades são voltadas diretamente para o mercado. 

O Senai MG cursos 2021 pode ser uma boa escolha para quem não quer seguir o caminho da graduação, mas ainda acredita que o estudo pode acrescentar na sua vida. 

Vamos entender de que forma eles podem fazer isso? 

Aprendizagem industrial 

O Senai MG cursos 2021 oferece aprendizagem industrial. Esse tipo de curso é ideal para quem quer ter vivências profissionais, ao mesmo tempo que tem aulas teóricas e práticas. 

O Senai MG cursos 2021 contam com parcerias com empresas, que deixam as portas abertas para os estudantes. Quem tiver interesse nessa modalidade, precisa assinar um contrato especial de carteira assinada com duração de dois anos. Depois desse período, há chance de efetivação.    

Alunos deficientes podem ficar mais tempo no curso e têm limite de idade. Já para pessoas que não são deficientes, a faixa etária da aprendizagem industrial do Senai MG cursos 2021  é entre 14 e 24 anos. Os jovens devem comprovar escolaridade a partir do nono ano do Ensino Fundamental ou EJA. 

Curso técnico 

Outra possibilidade que o Senai MG cursos 2021 oferece são os cursos técnicos. Eles têm duração de cerca de dois anos e, ao final, garantem um diploma que pode conquistar vagas no mercado de trabalho. 

Os cursos técnicos trazem aulas teóricas, práticas, acesso a tecnologia e buscam abranger questões relacionadas a empreendedorismo, liderança e inovações. 

O ponto positivo desse tipo de estudo é a facilidade de entrar no mundo dos negócios e a variedade de assuntos que ele pode abordar, dependendo da sua escolha. Alguns dos cursos técnicos que mais estão em alta atualmente são: Técnico em Meio Ambiente, técnico em redes de computadores, técnico em comércio exterior, técnico em geoprocessamento  e técnico em mecânica.

O Senai MG cursos 2021 oferece mais de 25 opções para você escolher e garantir o início da sua vida profissional!

Cursos de qualificação profissional

O Senai MG cursos 2021 oferece também qualificação profissional. Ela e destinado principalmente para pessoas que já são capacitadas e estão no mercado de trabalho, mas buscam se especializar em competências que podem as ajudar a subir na carreira. 

Normalmente eles têm carga horária baixa, para que os alunos consigam conciliar trabalho e estudos da uma forma mais tranquila. 

Durante a pandemia de covid19, muitos brasileiros buscaram a qualificação profissional. Foram mais de um milhão de matrículas desde março para cursos auto instrucionais de iniciação e aperfeiçoamento. 

Cursos gratuitos EAD

Um ensinamento que a pandemia de covid19 trouxe foi que muitos estudos podem ser feitos a distância, por meio das plataformas online. Isso pode deixar o seu currículo mais robusto e te transformar em um profissional especializado. O Senai MG cursos 2021 oferece essa oportunidade! 

 

Gestão de recursos humanos o que faz?

curso de recursos humanos

Se você tem como objetivo ingressar na faculdade de gestão de recursos humanos, antes de mais nada, é importante conhecer um pouco sobre a profissão, e saber se você se identifica com as atribuições e rotina de trabalho dos profissionais desta área.

Por isso, para que você não tenha dúvidas quanto ao curso de recursos humanos, elaboramos o texto abaixo, com todas as dicas essenciais sobre a carreira.

Aqui vale a pena destacar que, seja na modalidade de ensino a distância (EAD) ou presencial, para se tornar um técnico em recursos humanos será necessário enfrentar dois anos de curso, se dedicando ao estudo de disciplinas como Gestão de Pessoas, Legislação e Comunicação Empresarial, Direitos Humanos e Processos Trabalhistas, entre muitas outras.

Isso porque, cada vez mais valorizada, a profissão precisa cada vez de profissionais comprometidos e especializados, com visão humana e prontos para fazer a diferença no ambiente profissional.

 

Saiba tudo sobre o curso de gestão de recursos humanos

Em geral, a faculdade de recursos humanos habilita seus profissionais a atuarem tanto com a execução de atividades burocráticas, como elaboração de folha de pagamento, cálculo de horas extras e contratação de pessoas, conhecido como RH operacional, quanto com atividades estratégicas, voltadas para o gerenciamento do clima interno, treinamentos e motivação dos colaboradores, chamado de RH estratégico.

Neste sentido, você já pode perceber como é ampla a atuação do profissional formado em Gestão de RH, uma vez que a sua rotina de trabalho vai muito além de entrevistar, recrutar, contratar e treinar um time de funcionários.

Agora, depois destas informações e já sabendo que a atuação de um gestor de recursos humanos não é tão restrita, você já deve estar se perguntando quais são as atribuições deste cargo e quais são as habilidades requeridas para este tipo de profissional.

Sem dúvida, este é um assunto bastante relevante que será abordado aqui, mas não antes de entendermos de vez por todas o que é recursos humanos.

A área de recursos humanos é responsável pelas pessoas que fazem parte de uma organização. Sendo assim, ela fica encarregada por fazer a ponte entre os interesses da empresa e de seus colaboradores.

De forma bastante resumida, podemos definir que a gestão de recursos humanos engloba conhecimentos e práticas que, se bem executadas, auxiliam no gerenciamento das relações entre os empresas e funcionários, gerando um ambiente integrado e propício para o crescimento do negócio.

 

O que faz um gestor de recursos humanos?

Finalmente chegou a hora de entender o que faz um gestor de recursos humanos. Deste modo, sendo bem abrangente, podemos destacar que entre as atribuições do profissional estão funções como estruturação dos cargos, seleção de colaboradores, gerenciamento de benefícios, controle de frequência, treinamento e desenvolvimento de equipes, endomarketing e ações motivacionais.

Para que possa atender a todas as demandas, a área de recursos humanos se divide em alguns cenários, sendo:

 

  • Administração de Pessoal: responsável pelos processos administrativos como controle de folha ponto, controle e gerenciamento de benefícios, cálculo da folha de pagamento, entre outras obrigações trabalhistas;
  • Gestão de Pessoas: responsável pelo treinamento, desenvolvimento, avaliação de desempenho e pesquisas sobre o clima organizacional;
  • Recrutamento e Seleção: engloba toda a parte de entrevistamento, aplicação de testes e avaliação de perfis até o momento da contratação;
  • Saúde e Segurança do Trabalho: tem como responsabilidade garantir que o profissional esteja em um ambiente seguro e saudável para o desenvolvimento de sua função.

 

E com o objetivo de desempenhar um bom papel, algumas habilidades são exigidas para o profissional de recursos humanos. As competências técnicas, que podem ser adquiridas por meio de especializações, abrangem as áreas de Direito, Serviço Social, Psicologia e Ciências Contábeis.

Por outro lado, entre as competências emocionais figuram habilidades como bom relacionamento interpessoal, visão estratégica, empatia, liderança, agilidade, boa comunicação, resiliência, foco nos resultados e uma boa dose de criatividade.

Enfim, juntamente com as responsabilidades surgem também grandes desafios como trabalhar com o desenvolvimento de líderes, reter grandes talentos, minimizar o choque de gerações e estimular o trabalho coletivo, criando equipes autônomas, multidisciplinares e maduras o suficiente para entregar o que se espera delas.

Assim, tendo um setor de recursos humanos bem estruturado a empresa atinge diversas vantagens e se destaca no mercado empresarial.

Quando a economia brasileira vai crescer novamente? Expectativas para 2020

Espera que a economia brasileira cresça 2,22% até 2020 pode ser algo impossível. Para 2019, a média das projeções é de 0,99%. Estas são as previsões de algumas das principais consultorias e instituições econômicas do Brasil, ouvidas todas as semanas pelo Boletim Focus do Banco Central Brasileiro. O crescimento de 0,6% do PIB registrado no terceiro trimestre de 2019, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), tornou economistas e analistas mais otimistas.

Depois de um ano marcado pela aprovação da reforma das pensões e da Segurança Social, em 2020 O Brasil tem mais um ano de reformas para enfrentar. É isto que os investidores, as instituições internacionais, como o FMI e o Banco Mundial, e a equipa económica do próprio governo atual querem. Fazê-lo em meio a eleições locais e a divisão do partido que elegeu o Presidente Jair Bolsonaro e a fragilidade da base governante, no entanto, não será fácil.

Algumas propostas que poderiam ter começado a ser discutidas pelos oradores de ambas as câmaras do Congresso este ano, ligadas a uma reforma fiscal, por exemplo, foram adiadas para 2020. Diante da explosão de protestos em vários vizinhos latino-americanos, a decisão do governo e do Congresso foi pisar no freio de grandes mudanças por enquanto.

Autoridades da indústria também pediram cautela depois que o Presidente dos EUA, Donald Trump, acusou o Brasil e a Argentina de manipular a taxa de câmbio e disse que iria sobrecarregar o aço produzido em ambos os países da América Latina. Na sexta-feira passada (20), Bolsonaro disse em um vídeo ao vivo que, após uma conversa telefônica, o presidente americano havia desistido de taxar o aço brasileiro e o alumínio. Mas na realidade, jornalistas que cobriam a Casa Branca disseram que era tudo bluff do presidente dos EUA, e que o aço Brasileiro nunca seria realmente sobrecarregado.

De acordo com o jornal O Globo, em uma reunião com executivos da indústria química em dezembro deste ano, o Ministro da economia Paulo Guedes teria afirmado que não deixaria a indústria estrangeira avançar sobre a indústria nacional antes que haja uma simplificação dos impostos no país. “É uma abertura gradual … e será baseada em energia barata, custos logísticos mais baratos”, disse Guedes.